Dicas de Saúde

Dia Mundial da Saúde 2012

 

Sob o tema “Envelhecimento e Saúde: boa saúde acrescenta vida aos anos”, o Dia Mundial da Saúde 2012 tem como objetivo a preocupação com a qualidade de vida na maturidade. É fato que uma vida saudável ao longo dos anos contribui para uma maior plenitude e produtividade após os 60 anos. “Se pudéssemos quantificar, apenas 20% do envelhecimento é atribuído a fatores genéticos; os outros 80% estão ligados a hábitos de vida, que podem e devem ser alterados. Isso torna bastante grande a responsabilidade de cada um sobre o tipo de vida que queremos ter”, avalia Nelson Carvalhaes, médico geriatra.

 

Pensando no Dia Mundial da Saúde 2012, portanto, selecionamos algumas dicas para que idosos, familiares e cuidadores possam compreender melhor determinados aspectos relacionados à saúde na maturidade. O foco está na apresentação de dicas para manter um ambiente seguro em casa, evitando quedas e outros acidentes domésticos.

 

Prevenção começa em casa

 

Prestar atenção aos riscos ambientais é tão importante quanto saber se comportar diante deles. O grau de exposição ao risco dependerá não apenas da capacidade funcional do idoso, mas também das suas atitudes. Um bom começo é pensar em ambientes, se possível, livres de riscos de acidentes. A prevenção é simples e implica apenas na mudança de alguns hábitos.

 

Em todos os ambientes

• Instale pisos laminados de madeira. Eles impedem a formação de dobras e pequenos buracos no chão. Isso evita possíveis quedas e permite que uma cadeira de rodas circule com facilidade.
• Coloque fitas adesivas nos degraus. Antiderrapantes, elas marcam os pequenos obstáculos que podem estar no caminho.

 

Banheiro

• O banheiro é onde acontece a maioria dos acidentes. Instale nele telefones ou interfones. Esses aparelhos podem auxiliar no pedido de socorro.
• Pisos antiderrapantes evitam escorregões e quedas quando há acúmulo de água no chão. Podem ser instalados dentro do box.
• Contra os tropeções, nada de tapetinhos ou toalhas no chão.
• O box deve ter a porta abrindo para fora. Em caso de acidente, a pessoa não fica presa dentro do espaço.
• Barras de apoio no vaso sanitário ajudam o idoso a se levantar com segurança.

 

Cozinha

• Tampos instalados nos dois lados do fogão facilitam o apoio de panelas e objetos quentes.
• Detector de fumaça garante mais segurança a quem tem olfato reduzido ou costuma esquecer o fogo aceso.
• O microondas não deve ficar sobre a geladeira ou o freezer, pois apanhar coisas quentes e pesadas de um local alto pode causar um grave acidente, com queimaduras.

 

Quarto

• Instale controle de iluminação na cabeceira da cama. Com ele, o idoso não precisa se levantar para acender a luz.
• Telefone ou interfone no criadomudo ajudam a pedir socorro rápido em caso de quedas.
• Prateleiras mais baixas evitam o uso do banquinho ou da escada para alcançar objetos.

 

Sala

• Iluminação extra. Quanto mais iluminado o ambiente, menores os riscos de trombadas nos móveis.
• Janelas amplas, com peitoril mais baixo. Mesmo em cadeira de rodas, ou sentado, o morador consegue apreciar a paisagem.
• Nada de tapetinhos, móveis e enfeites na área de circulação. Eles atrapalham o caminho e dificultam a passagem.

 

Área de serviço

• Prefira os varais içados por rolamento. Eles diminuem o risco de a corda escapar das mãos.
• Não deixe nada espalhado. Baldes, vassouras, rodos devem ser encostados na parede. Isso evita tropeções e quedas.

 

Sobre o Dia Mundial da Saúde

Comemorado em 7 de abril, foi estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para servir de fórum para o diálogo mundial sobre as condições da saúde em todo o mundo, além de ser uma oportunidade para começar uma ação coletiva para abordar a saúde e o bem-estar das pessoas.

 

Fonte: Nelson Carvalhaes, assessor médico da área de Check-Up. 

 

 

[ voltar ]